Potengi, verás que um filho teu não foge à luta!

Edson Veriato participou da Capacitação do Comitê Local do Projeto Paulo Freire

O  jovem Edson Veriato coordenador da ONG Comunidade em Movimento participou da ação de capacitação dos comitês locais do projeto de Desenvolvimento Produtivo e de Capacidades - Paulo Freire em Potengi. A ação aconteceu na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais com participação do comitê local, Secretária Municipal de Agricultura, ONG Comunidade em Movimento, Assessoria Técnica do Instituto Flor do Pequi, Sindicato Rural, Beneficiários e ERP.

O Jovem Sérgio Firmino da  assessoria técnica continuada do instituto flor do piqui fez um balanço das ações desenvolvidas em todas as comunidades beneficiadas e divulgou as novas comunidades que apartir de 2017 serão contempladas com as ações do Projeto Paulo Freire.

Foto/Ronaldo Ferreira
Na oportunidade a  ONG Comunidade em Movimento representada por Edson Veriato e Dogielio Pinheiro  reivindicou representatividade através de oficio no Comitê Local.

O Comitê Local, é uma instância de deliberação do projeto Paulo Freire, sendo constituído por representantes das comunidades rurais e suas organizações produtivas atendidas pelo projeto, agricultores(as)familiares, pescadores artesanais, indígenas e quilombolas  beneficiários(as), bem como dos representantes da sociedade civil e dos governos federal, estadual e municipal.
 
O projeto de desenvolvimento produtivo e de capacidades - projeto Paulo Freire - tem como propósito reduzir a pobreza e elevar o padrão de vida de agricultores familiares de 31 municípios cearenses, através do desenvolvimento do capital e humano e da produção sustentável para aumento da renda, a partir de fontes agrícolas e não agrícolas, com foco prioritário nos jovens e mulheres e com publico alvo a população rural em condições de pobreza/ extrema, pobreza dos 31 municípios que integram a área de atuação do projeto, organizações comunitárias e produtivas, com atenção especial para jovens, mulheres, indígenas, e quilombolas. O projeto atenderá 60.000 famílias com ações de capacidade, dentre as quais 50% com apoio a investimento produtivo e fortalecimento da base organizativa.


Foto/ Edson Veriato



Postar um comentário

Postar um comentário